Arquivo da categoria: Reflexões

5 dicas de ouro para quem precisa trabalhar em casa com bebê

Olá amiga leitora, é possível trabalhar em casa quando se tem bebê? E empreender online quando se tem criança pequena? Se você viu o título deste post e está lendo este artigo ou você já é uma mamãe empreendedora ou sonha em empreender, seja online, seja no mundo real.

Continue lendo 5 dicas de ouro para quem precisa trabalhar em casa com bebê

15 frases e situações que tiram toda mãe do sério (a #11 é a pior delas)

Se você está prestes a se tornar mãe, é mãe de primeira viagem ou mesmo se já tem uma longa experiência nessa área, talvez já tenha percebido que um dos maiores desafios da maternidade é lidar com tantos palpites, comentários e pitacos que as pessoas adoram dizer para quem é mãe, mesmo quando não pedimos qualquer opinião (oi??).

Continue lendo 15 frases e situações que tiram toda mãe do sério (a #11 é a pior delas)

Depressão pós-parto: como prevenir e identificar

Olá meninas! Esse post aborda um assunto delicado que geralmente evitamos falar ou preferimos não pensar muito que é a depressão pós-parto. Dizem que “quando nasce um bebê, nasce uma mãe”, mas será que é assim mesmo? São tantos mitos que envolvem a maternidade e que ouvimos ao longo da vida que, muitas vezes, quando nos tornamos mães é difícil lidar com tanta pressão social.

Continue lendo Depressão pós-parto: como prevenir e identificar

Desafios da maternidade: frases de mãe

Neste Dia Internacional da Mulher, eu e a Fabi não poderíamos deixar de fazer uma homenagem a vocês, nossas queridas leitoras, que são tentantes, gestantes, mães e, acima de tudo, mulheres! Mulheres que, assim como nós duas, precisam dar conta da casa, do trabalho, da vida a dois e dos filhos, sem contar cuidar do cabelo, das unhas e da dieta …

Continue lendo Desafios da maternidade: frases de mãe

O que aprendi no segundo ano do meu filho

Ser mãe é padecer no paraíso. Quem nunca ouviu essa frase? Agora que meu filho está com dois aninhos começo a entender melhor o que isso significa porque ser mãe é maravilhoso, um amor incondicional que a gente nem imaginava que podia sentir, mas, ao mesmo tempo, é cansativo, sofredor, dá muito trabalho e tem horas que a gente quer sumir (risos). Nesse segundo ano do Serginho aprendi muitas coisas e compartilho com vocês algumas delas:

Continue lendo O que aprendi no segundo ano do meu filho