Smash the Cake: por trás das lentes

No post “Smash the Cake: bebês se divertem brincando”, trouxemos dicas bem bacanas sobre esse tipo de ensaio fotográfico, que costuma ser feito com bebês entre 1 ano e 2 anos de idade. Mas há mais curiosidades sobre o assunto. É sobre os bastidores dessas produções que tratam os depoimentos a seguir. Vejam que interessante:

Deixando as crianças à vontade
“O ensaio consiste em colocar o bolo na frente da criança e deixar ela livre. O bolo é feito pensando em atrair a curiosidade dos pequenos, estimulando-os a colocarem os dedinhos, apertarem, mexerem, enfim, se lambuzarem inteiros. As fotos podem ser realizadas em qualquer lugar, mas priorizamos parques e lugares abertos para deixarem as fotos mais bonitas. O bebê pode estar de roupa, de preferência bem colorida ou com alguma fantasia, ou peladinho para deixar a foto mais atraente e fofa.”
Isadora de La Noce e Carla Brasiliense, da Composé Photography Design, de São Paulo (SP).

Gustavo se lambuzando

Momentos inesquecíveis
“Durante o ensaio com o bolo, existirão momentos que provavelmente não irão se repetir, seja um pedaço de bolo voando ou até mesmo a criança caindo de bumbum em cima dele! Dentro do estúdio, o ambiente será aquecido, as luzes serão ajustadas conforme a necessidade e assim teremos controle sobre a maioria das variáveis que em um ambiente externo não seria possível obter. Nosso primeiro Smash the Cake foi feito com um menino peladinho. Depois que as fotos ficaram prontas fizemos um banner e divulgamos uma delas em nossa vitrine. Várias pessoas vieram e elogiaram o trabalho, mas houve também quem comentou exclusivamente o falo dele [da criança] estar com os ‘documentos’ à mostra. Acabamos optando então por passar a fazer as fotos com uma cuequinha sem a fralda e para as meninas com uma calcinha também sem a fralda!”
Fernando Braga, da Fernando Braga Fotografia, de Taquaritinga (SP).

Matheus feliz da vida com a brincadeira

O mais natural possível
“O Smash the cake pode ser feito em estúdio, em parque ou na residência dos pais. No caso do Arthur (foto), que fez aniversário no mês de julho (inverno), optamos juntamente com a mamãe por ser na residência. O ideal é que o bebê esteja com um shortinho, uma cuequinha ou uma calcinha. Pode também ser colocado um chapeuzinho de aniversário, um body personalizado ou outro acessório. Neste caso, optamos por deixar ele no natural, pois nessa idade nem todas as crianças gostam de acessórios na cabeça”
Karine Pinheiro e Gediaene Pulini, da Mimo Fotos, de Santo André (SP).

Arthur entretido com seu bolo de festa

Espero que você tenha gostado de mais este post sobre o tema. Se ainda não viu, fica a dica para conferir nosso primeiro post com todas as dicas sobre o Smash the Cake.

Beijos, da Mamãe Prática Mari.

*Fotos: Composé Photography Design, Fernando Braga Fotografia e Mimo Fotos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.