Como ler para o bebê

Há pouco tempo recebemos na redação do blog Mamãe Prática as duas primeiras edições (“Animais” e “Alimentação”) da “Coleção 100 Primeiras Palavras”, publicadas pela editora Bamboozinho.

Os livros foram criados pela professora de Educação Infantil Lô Carvalho e trazem lindas imagens e figuras para estimular o contato do bebê com a leitura, além de ampliar o vocabulário dos pequenos e ajuda-los a entender o mundo. Os livros também acompanham um aplicativo digital para smartphones e tablets.

As imagens dos livrinhos são lindas e a organização é bem bacana para ensinarmos o bebê a interagir com os livros. Olha só como o Serginho gostou!! rs rs rs

Serginho se divertindo com os livros dos animais e dos alimentos
Serginho se divertindo com os livros dos animais e dos alimentos

Outro ponto interessante são as dicas da autora sobre como estimular a leitura nas crianças, desde bebezinhas. Veja que legal:

  • Mostre para a criança onde se localizam, na página, o texto e a imagem. Use o dedo indicador.
  • Escolha momentos tranquilos para a leitura, evitando relacionar o livro a horas de choro ou crise.
  • Mesmo que o contato com o livro seja frequente, escolha um momento na rotina diária da criança para fazer a leitura, por exemplo, antes da soneca da tarde ou antes de dormir.
  • Leia com a criança no colo ou ao seu lado.
  • Leia de frente para a criança com o livro voltado para ela.
  • Sempre leia em voz alta.
  • Comente algo sobre o texto e a imagem.
  • Relacione o conteúdo do livro com outras experiências, por exemplo, fotos, livros, pessoas ou lugares.
  • Comente sobre a estrutura do livro: mostre a capa, as ilustrações e as fotografias.
  • Ensine como segurar o livro e virar as páginas.
  • Deixe a criança folhear o livro, mesmo que as folhas fiquem um pouco “amassadinhas”.
  • Não deixe a criança colocar o livro na boca, atirá-lo no chão ou passar por cima dele.
  • Tenha sempre em mãos um livro para ler, mesmo nas situações fora de casa.
  • Ensine que o livro deve ser guardado em um local seguro, longe do chão.
  • Crie uma prateleira de livros para o seu filho, guardando-os sempre no mesmo local. Assim o bebê aprende que é ali que a sua biblioteca se encontra.

Foto: divulgaçãoLô Carvalho é mãe, professora, escritora e, como ela mesma gosta de destacar, uma leitora. O desenvolvimento do vocabulário do bebê sempre foi uma preocupação nos seus trabalhos que também têm como objetivo contextualizar os temas de acordo com o universo das crianças brasileiras. Site: Meu Bebê Leitor

 
Queridos leitores, gostaram das dicas? Eu amei e já estou começando a colocar em prática com o meu bebê.

Beijos, da Mamãe Prática Fabi

Foto: Mamãe Prática

clubeCadastre-se no Clube Mamãe Prática para receber nossos posts e novidades!

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.