5 motivos para agradecermos ao pai presente

Sempre dizemos que quando nasce uma criança também nasce uma mãe, mas às vezes nos esquecemos de que também nasce um pai (seja este pai biológico ou não, como o padrasto ou o avô que se tornam a principal figura paterna na vida dos pequenos). E foi assim aqui em casa com o papai da Manuela. A partir do momento em que a nossa filha nasceu, percebi que o seu coração já não seria mais o mesmo: ele estava apaixonado pela nossa bebê. E continua assim até hoje (agora ela está com 3 anos).

Tenho muito a agradecer a ele, não apenas pelo seu carinho e amor eterno à pequena, mas também por sempre ser um pai presente. Mas o que significa ser um pai presente nos dias de hoje? Essa é a minha listinha como agradecimento, e qual é a sua?

5 motivos para agradecermos aos papais presentes

1. Ele te apoia desde a gravidez
Mais do que definir com a mãe os detalhes para a chegada do bebê (como os itens do enxoval e a decoração do quarto), o pai que é presente apoia a mãe nas suas decisões, como na difícil decisão de voltar ou não a trabalhar fora após a licença maternidade (para quem pode ter essa escolha).

2. Ele também passa as noites em claro
O pai presente sabe o quanto pode ser cansativo cuidar de um recém-nascido ou um bebê na terrível fase de cólicas. Mesmo tendo que acordar cedo no outro dia pra trabalhar, ele enfrenta junto com a gente os fins de tarde e noites de choro, dando aconchego e também fazendo de tudo para o bebê superar essa fase (pelo menos aqui em casa, as cólicas começavam no fim da tarde e acabam por volta da meia noite). Isto também vale para os pais de crianças que já não são mais tão bebês, mas vivem as difíceis fases de ficar doentes, como as crises de asma, gripe e/ou febre, por exemplo.

3. Ele vibra com cada conquista do seu filho
O primeiro sorriso, a primeira vez que sentou sem apoio, a primeira vez que engatinhou, que andou e falou. Mais tarde, a primeira vez na escolinha e tantas outras conquistas que estão por vir. O pai presente quer participar de tudo isso, mesmo que fisicamente não possa estar ali (e aí entra a tecnologia pra ajudar, com vídeos e milhares de fotos).

4. Ele assume junto a responsabilidade de educar
Não basta ser pai, tem que participar! Não é assim que falamos? Mas isso não significa apenas os momentos bons, de brincadeiras. O pai presente também participa nas horas difíceis, no momento de ensinar que existem limites, de ensinar que não precisa chorar por tudo, de ensinar que existem perigos no mundo e de que não se pode fazer birra ou bater no amiguinho ou irmão. Ele não é apenas o pai herói por ser bonzinho, engraçado ou brincalhão, mas também por dividir com a gente a difícil tarefa de educar um filho.

5. Ele não “ajuda”, ele participa mesmo
Mais do que simplesmente ajudar a mãe em uma ou outra tarefa, o pai presente coloca a mão na massa todos os dias, divide com a gente os afazeres da rotina da casa e dos filhos, e entende quando precisamos de um tempo só pra gente. Dá até um alívio quando ele diz: “pode deixar que eu fico com a pequena para você descansar um pouco ou fazer suas coisas”, por exemplo. Isso se chama parceria.

Meninas, estes são meus bons motivos para agradecer ao papai da Manu. O pai presente, seja o pai biológico ou não, é um presente para os nossos filhos e um parceiro nosso para a vida toda. Espero que vocês também tenham essa felicidade. Você acrescentaria algo a mais na minha listinha?

Beijos, da Mamãe Prática Mari

Foto: blog Mamãe Prática (minha Manu com seu papai)

Este texto faz parte de uma blogagem coletiva do grupo Encontro de Mentes Maternas. Não deixe de ler os artigos dos blogs participantes e boa leitura:

Leticia Tomsik – Psicologa Infantil
Por Leticia Tomsik
Psicóloga infantil, analista do comportamento e proprietária do BEM VIVER. Consultório de Psicologia, em Valparaíso de Goiás. Casada com um tcheco e(ainda) sem filhos. Apaixonada pela família e pela sobrinha mais que especial Beatriz.

Mamy Antenada
Por Priscilla Aitelli
Gestante do coração há quase 3 anos, tentante há mais de 6. Bióloga de profissão. Carioca, criada em Joinville- SC. Atualmente mora em Florianópolis- SC com o maridão Silvio e com os filhos de 4 patas Dora e Minduim. Experiências pessoais e muita informações são compartilhadas de um jeito simples e divertido.

Mamãe Coach
Por Vanessa Braga
Mamãe do Raphael e também é uma profissional que deseja usar sua maternidade e profissão para trocar experiências e dicas, trazendo ferramentas para outras mamães, que assim como ela, sonham em ser uma mãe melhor a cada dia!

Mãe de 02
Por Laura Carvalho
Mãe do Jean Jr e João Felipe, tem muitas paixões e as maiores são escrever, ler, ouvir músicas, assistir filmes românticos, jogos, viajar, conversar, fazer novas amizades, comer massas, comida japonesa e chinesa e doces, principalmente muito chocolate. Juntado seus amores e o Amor pelos filhos surgiu o Mãe de 2, que fala de mãe para mãe, conta experiências, rotinas, vida de mãe, gestação e filhos.

Clube Mamãe PráticaCadastre-se no Clube Mamãe Prática para receber nossos posts e novidades!

2 comentários em “5 motivos para agradecermos ao pai presente”

  1. Eu achei que meu namorado nunca seria um bom pai, o dele nunca foi presente, nem se importava com os filhos, quando contei que estava grávida (não planejada), entramos em pânico, ele já me chamou para conversar e disse que não sabia ser pai (como se eu soubesse ser mãe kkk),durante a gravidez não conseguia ter momentos com a “barriga”, nem cobrava dele porque também me incomodava. Quando nossa Tatá (2a 6m) nasceu tudo mudou, desde as primeiras horas dentro do hospital parece que eles se apaixonaram, com toda certeza o fato da criação “pai ausente” só o fez um pai melhor, eles são parceiros em tudo e ele faz questão de participar de todas as coisas até mesmo as mais simples. Ele é mais mãe que eu…kkkkkkkkk tenho ciúmes, mas agradeço pois sei que é perfeito pra minha filha.

    1. Olá Jéssica!

      Que lindo o seu comentário! Amamos!!! É muito bom quando os pais também se apaixonam por nossos filhos, como nós 🙂

      Beijo grande, da Mamãe Prática Mari

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.