Todos os posts de Fabi Fontainha

“Mãe, também quero me manifestar”

Diante de tantas manifestações pelo País, a pequena Isabella, de 10 anos, olhou para a mãe, Jessica O’ Callaghan, e disse:

isabella_COM CORTE

– “Mãe eu também quero me manisfestar. Tá todo mundo se manifestando!”
Então Jessica, pacientemente, perguntou:
– “Mas você quer manifestar contra o quê, filha?”
E Isabella disse:
“Contra o peido alheio. O governo precisa resolver esse problema de gases!!”

Rimos muito com essa pérola da Isabella, que garota criativa e bem-humorada, não é?

Se você também tem uma história para contar, envia pra gente: [email protected]

Os primeiros banhos do bebê

Já falamos aqui no blog sobre os primeiros cuidados com o recém-nascido, como a limpeza do umbigo e a troca de fraldas. Outro tema que costuma deixar os pais de primeira viagem apreensivos é a hora de dar banho no bebê. Mas os primeiros banhos podem ser muito prazerosos tanto para a mamãe e o papai quanto para a criança.

Continue lendo Os primeiros banhos do bebê

“Manhêêê, tá doendo”

Conheça as principais dores infantis

Foto: Studio Cl Art
Foto: Studio Cl Art

Dizem que dor de filho também dói na gente, afinal é muito angustiante ver seu rebento sofrendo com qualquer tipo de desconforto, não é? Sem dúvida, sofremos juntos e só ficamos tranquilos quando a dor vai embora. Cólicas, enxaquecas, dores associadas ao nascimento dos dentes e até ao crescimento são algumas das dores mais comuns na infância e que podem surgir em diferentes épocas da vida da criança, desde os primeiros meses até o início da adolescência.

Para orientar os pediatras de todo o País sobre o tema e dar mais atenção a esses tipos de dores, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) criou o “Consenso sobre Dores Pouco Valorizadas em Crianças”, publicação que teve o apoio da Johnson & Johnson.

Continue lendo “Manhêêê, tá doendo”

Cinema para mamães e bebês

cinematerna1_FINAL
Foto: Divulgação/Cinematerna

Criado em 2008 por um grupo de mães, o CineMaterna organiza sessões especiais para mães (e acompanhantes) com bebês e crianças de até 18 meses. Os filmes são exibidos em salas de cinema com volume do som reduzido, trocadores de fralda à disposição, ar condicionado suave para temperatura amena, além de ambiente levemente iluminado.

Continue lendo Cinema para mamães e bebês

Como preservar a relação do casal com a chegada dos filhos

Querida leitora, todo mundo diz que a chegada de um filho tem grande impacto na vida das pessoas, afinal, tudo muda na vida do casal, principalmente a rotina, as responsabilidades e as prioridades que terão dali pra frente. Para nós, mulheres, surge mais um papel a desempenhar, além daqueles que já temos como a esposa, a dona de casa, a profissional, a filha, entre tantos outros.

Tornar-se mãe é algo maravilhoso, mas esse sentimento pode vir acompanhado de dúvidas, angústias e medos em relação à maternidade.  Isso porque, principalmente nos primeiros meses, o bebê exige muita atenção e dedicação e parece quase impossível fazer outra coisa a não ser cuidar do nosso “filhote”, quanto mais dar atenção ao marido.

Por isso, não é à toa que em meio a um turbilhão de novidades e emoções geradas com o nascimento do bebê, a relação do casal fica, muitas vezes, esquecida ou em segundo plano, o que causa ressentimentos, conflitos e distanciamento entre marido e mulher.

Para a psicóloga Dery Leão, especialista em Terapia de Casal, Família e Indivíduo, de São Paulo-SP, é importante que papais e mamães aprendam a dialogar sobre as dificuldades e que se esforcem para dedicar algum tempo para a vida a dois, garantindo o que ela chama de “Espaço do Casal”. Leia a entrevista concedida por Dery para o blog Mamãe Prática sobre o tema.

Continue lendo Como preservar a relação do casal com a chegada dos filhos