Arquivo da tag: maternidade

Filmes para você NÃO assistir se acabou de ter um bebê

Amigas, tive a ideia de escrever sobre isso depois de assistir a um filme que estava passando na TV. Sem ler a sinopse, me dei mal: o tema era muito triste (duas mães perdiam seus filhos). Neste caso eu não chorei, mas fiquei pensando naquilo durante dias.

Muitas de vocês podem não concordar comigo. Mas eu acho que se você acabou de ter um bebê ainda estará sensível para assistir a alguns filmes. Se você não é de se impressionar, então não perca tempo lendo este post, mas se você, assim como eu, é muito emotiva quando o assunto é a maternidade, fica a dica para esperar um pouco para assistir aos filmes que vou citar a seguir. Veja a minha lista de filmes lindos e me conte quais você acrescentaria ou tiraria dela.

Continue lendo Filmes para você NÃO assistir se acabou de ter um bebê

Por que dói na gente?

Pouco tempo depois de nascer o bebê precisa fazer o teste do pezinho. Ele ainda não sabe o que está acontecendo, só quer ficar pertinho da sua mãe, sentindo o seu cheirinho, mas rapidamente a vida se encarrega de dizer: nem tudo são flores, meu pequeno amigo, há espinhos e vai doer também. E assim será para o resto da sua vida.

Por que, então, queremos fazer de tudo para abreviar o sofrimento de nossos filhos? Afinal, sofrer é inevitável … Um dos momentos mais difíceis para os pais de primeira viagem é levar seus bebês para tomar vacina (e olha que a BCG é logo após o nascimento). A picada é na criança, mas dói na gente. E dor de mãe não é física, é no coração. E assim a vida dá outra lição, dizendo: “há males que vem para o bem”, embora nosso ainda frágil bebezinho não entenda isso.

Continue lendo Por que dói na gente?

Nos bastidores da maternidade: o pai-acompanhante

Uma visão bem-humorada de quem acaba de se tornar pai pela quarta vez

Carlos Castelo
Carlos mostrando ser um paizão

As redes sociais têm dessas coisas … Em alguns minutos, a gente conhece histórias curiosas, que vale a pena serem contadas. Foi assim que um dia, já não lembro mais como, tive contato com esse relato do papai Carlos Castelo. Provavelmente algum amigo dele compartilhou o texto para algum amigo meu e … pronto: aqui está o texto do Carlos que é pai da Luísa, que nasceu no dia 15 de abril deste ano, do João, de 9 anos, do Pedro, de 19 anos, e do Leonardo, de 26 anos.

Nas palavras do próprio Carlos, vejam como foi ele se tornar pai pela quarta vez, em um relato muito bem-humorado de um pai-acompanhante escrito poucas horas depois da chegada da sua caçula. Feliz Dia dos Pais!

“Hoje vão se completar 48 horas que estou numa maternidade. Sim, fui pai. Pela quarta vez e, dessa feita, de uma linda menina, a Luísa. A última vez em que estive nessa condição foi no nascimento de meu filho João, que está com nove anos. Já havia me esquecido do que é ser ‘acompanhante’ de uma gestante.

Continue lendo Nos bastidores da maternidade: o pai-acompanhante