Arquivo da categoria: Segurança

Cuidados nos parquinhos com as crianças

É uma delícia ver nossos filhos felizes, brincando em parquinhos, não é mesmo? Mas você sabia que é neste ambiente onde também acontecem muitos acidentes? De acordo com a ONG Criança Segura, as quedas têm grande ocorrência nos parquinhos e representam a principal causa de hospitalização, por acidente, de crianças até 14 anos no Brasil.

Veja as orientações da Criança Segura aos pais:

  1. Conheça os parquinhos onde as crianças brincam. Procure equipamentos apropriados para a idade das crianças e verifique se os equipamentos estão enferrujados, quebrados ou contêm superfícies perigosas. Denuncie qualquer problema à escola ou ao órgão responsável.
  2. O parquinho dever ser instalado em piso que absorva impacto, como um gramado, um piso emborrachado ou areia fina. Jamais deve ser instalado em piso de concreto ou pedra.
  3. Tire o capuz e o cachecol de todas as crianças para evitar perigos de estrangulamento nos parquinhos.
  4. Ensine a seu filho as regras de comportamento nos parquinhos, como não empurrar, não dar encontrões e nem se amontoar. Além disso, mostre quais são os equipamentos apropriados para a sua faixa etária.
  5. Crianças menores que brincam em equipamentos destinados a crianças mais velhas têm mais chances de sofrer algum tipo de acidente. Elas devem estar sob constante supervisão de adultos durante a brincadeira no parquinho.

Beijos, da Mamãe Prática Mari

clubeCadastre-se no Clube Mamãe Prática para receber nossos posts e novidades!

 

Ambiente seguro para seu bebê

Quando resolvemos casar ou, no jargão popular, simplesmente “juntar os trapos”, a maior alegria (principalmente das mulheres) é começar a arrumar a casa nova, escolher os móveis e a decoração. Se o casal já tivesse em mente o objetivo de ter filhos, o ideal seria já comprar móveis e preparar a casa para receber as crianças, mas quem faz isso?

Geralmente, somente quando temos um bebê é que percebemos o quanto os cômodos do nosso lar podem ser pouco seguros para os nossos pequenos. Pior ainda é o fato de que muitas famílias não se dão conta dos perigos até o momento em que algo de ruim acontece.

Segundo a ONG Criança Segura, os acidentes (lesões não-intencionais) representam a principal causa de morte de crianças de 1 a 14 anos no Brasil. Conforme informa a ONG em seu site, no total, cerca de 4,7 mil crianças morrem e 125 mil são hospitalizadas anualmente, devidos aos acidentes, segundo dados do Ministério da Saúde, configurando-se como uma séria questão de saúde pública. Dentre os acidentes que levam à morte, estão sufocação, afogamento, queda, queimadura com fogo, atropelamento, choque elétrico e envenenamento.

Continue lendo Ambiente seguro para seu bebê