Dente de leite mole: será que está na hora de cair? O que fazer?

Olá meninas,

Quando os dentes de leite das crianças começam a cair, algumas crianças levam a novidade de forma tranquila, outras nem tanto. Neste artigo, a odontopediatra Milena Louzas esclarece muitas informações sobre o assunto. Afinal, todos os dentes de leite irão cair? E se não cair? Veja as orientações da Dra. Milena:

Os dentes de leite iniciam a troca quando a criança está com entre 5 e 7 anos de idade. Este período é, portanto, variável, pois depende não só do tempo em que este dente está na boca dos pequenos (dentes que nascem antes, caem antes), mas também de fatores hormonais de crescimento.

O primeiro dente a cair é o incisivo central inferior (do meio de baixo). Os dentes de leite caem porque os permanentes vêm nascendo e dando estímulo de reabsorção das raízes do dente de leite – sem raiz, o dente fica mole e cai.

Mas o dente de leite pode não cair? Sim, muitas crianças têm arcadas
pequenas e o permanente sem espaço acaba desviando e nascendo atrás do dente de leite. Nestes casos, o odontopediatra terá de avaliar a necessidade de remoção do dente de leite, pois ele recebeu pouco estímulo de reabsorção e muitas vezes não cai sozinho.

Outra situação bastante comum é o dente de leite girar ou vir para frente, isso acontece porque a raiz reabsorveu de forma irregular. A ajuda do odontopediatra nem sempre é necessária nesses casos, mas é necessário avaliação.

Muitas crianças tem aflição de remover o dente de leite, mesmo ele estando pendurado e os pais podem ajudar nessa situação. O ideal é os pais perceberem que aquele dente está solto e puxá-lo com uma gaze, mas é preciso ter muito cuidado para não puxá-lo antes da época (se necessário, converse com seu odontopediatra). De qualquer forma, a maioria das crianças fica incomodada com o dente mole e vai mexendo com ele para frente e para trás até ele soltar, sem ajuda dos pais.

É nessa fase de troca de dentes que nascem os primeiros molares
permanentes. Em um total de quatro, eles irrompem atrás de todos os dentes sem nenhum dentinho de leite cair. Consideramos essa fase da criança uma fase de alto risco de lesão de cárie, então os pais precisam redobrar a atenção na escovação e alimentação (evitando o consumo de todo açúcar livre). A criança não tem coordenação motora fina para fazer uma boa limpeza dos dentes até os 9 anos, por isso, é necessário que os pais complementem a escovação até esta idade.

“A criança não tem coordenação motora fina para fazer uma boa limpeza dos dentes até os 9 anos”

Os pais devem ficar atentos a essa troca do dente de leite pelo dente permanente, pois caso ela não ocorra de forma sincronizada isto pode ser indício de algum problema na dentição permanente que pode causar danos importantes na fase adulta, como dentes apinhados ou a perda dos dentes que não nasceram e perderam a capacidade de fazê-lo.

Algumas crianças comemoram a troca dos dentes e invocam felizes a fada do dente, e outros ficam tristes com a sensação de perda, negando o próprio crescimento. É preciso respeitar os sentimentos dos seus filhos, eles são seres humanos únicos!

Espero ter ajudado,

Milena Louzas

Odonto pediatra Milena LousasEspecialista em Odontopediatria e com especialização em Ortopedia Funcional dos Maxilares, a Dra. Milena Louzas é de São Paulo e costuma dizer que a Odontopediatria a escolheu, pois suas primeiras oportunidades de trabalho foram com crianças. Ela se apaixonou pela área e seus desafios, como atender crianças consideradas de comportamento difícil. “Mas, juntas, conseguimos resignificar a relação delas com o dentista”, conta.

Beijos, da Mamãe Prática Mari

Foto/abertura: Mimo Fotos

Clube Mamãe PráticaCadastre-se no Clube Mamãe Prática para acompanhar nossos posts e novidades!

2 comentários em “Dente de leite mole: será que está na hora de cair? O que fazer?”

  1. Doutora meu filho esta com 4 anos e 11 meses e estou com os dois dentinhos inferiores moles fiquei preocupada ao velo achei que muito cedo pra já troca do dente de leite isso pode acontecer

    1. Olá Elizete,

      Segue a resposta da Dra. Milena para você:

      “A troca normalmente acontece entre os 5 anos e os 7 anos. Existem algumas variáveis que modificam o tempo de troca dentária:
      1. Dentes que nasceram antes dos 5 meses trocam antes.
      2.Crianças com picos hormonais também trocam antes.

      Não é nada para se preocupar, mas vale uma conversa com o pediatra da criança para checar os hormônios de crescimento.”
      Abraços,

      Milena

      Beijos, da Mamãe Prática Mari

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.