Crianças que cozinham comem mais e melhor

Problemas de alimentação infantil como crianças que não comem nada, que só comem besteira, com colesterol alto ou com sobrepeso e obesidade estão entre os temas mais procurados no nosso blog. Por isso, achamos bem legal dividir com vocês os dados de um estudo divulgado pela Nestlé sobre a importância de envolver os pequenos no preparo das refeições.

Olha que bacana: o estudo foi desenvolvido pelo Centro de Pesquisa da Nestlé, na Suíça, e comparou o que as crianças escolhem para comer quando ajudam seus pais a cozinhar e quando não participam do preparo das refeições. O resultado foi que as crianças que ajudam os pais na cozinha comem mais e melhor!

“Descobrimos que as crianças que vão para a cozinha e cozinham com um dos pais comem uma porção bem maior de suas refeições e uma quantidade significativamente maior de verduras”, disse a nutricionista Dra. Klazine van der Horst, que liderou a equipe de cientistas que realizou o estudo.

O interessante é que o estudo comprova que envolver as crianças na preparação dos alimentos pode ajudar no desenvolvimento de hábitos alimentares saudáveis.

Como o estudo foi feito

Os pesquisadores pediram a 47 pais ou mães, acompanhados por seus filhos com idades entre seis e 10 anos, que preparassem uma refeição composta de vários elementos, inclusive frango à milanesa, salada, couve-flor e macarrão.

Metade das crianças no experimento se envolveu no preparo da refeição – fazendo a salada ou ajudando seus pais a passar o frango na farinha de rosca – enquanto as outras crianças brincaram durante o período em que seus pais preparavam, sozinhos, as refeições.

Veja que legal: As crianças que cozinharam junto com um dos pais comeram praticamente 76% mais salada e 27% mais frango, e também consumiram 25% mais calorias em geral.

Mais motivos para levar as crianças para a cozinha

    • A quantidade de salada consumida aumentou entre as crianças que ajudaram a preparar a refeição, possivelmente porque foi mais fácil para elas escolherem o que tinham vontade de comer.
    • Cozinhar com os filhos pode ser benéfico tanto para os pais quanto para as crianças. Isso porque além de causar o efeito positivo da ingestão dos alimentos, a atividade promove mais tempo em família.
    • Cozinhar para a família fez com que as crianças se sentissem independentes e orgulhosas de si mesmas.
      As crianças que passam mais tempo na cozinha também permanecem mais tempo na mesa na hora das refeições e se divertem mais.

Referência do estudo: Appetite April 2014 Involving children in meal preparation: Effects on food intake. Klazine van der Horst, Aurore Ferrage, Andreas Rytz.

Mamães e papais, se vocês estão passando por problemas na hora de fazer seus filhos comerem, espero que essas dicas sejam úteis para vocês. Boa sorte!

Beijos, da Mamãe Prática Fabi

Foto: Mimo Fotos

Nossos projetos ligados à alimentação infantil

Loja Mamãe Prática – marmitas, lancheiras, garrafinhas, cortadores e utensílios para lanchinhos e comidas divertidas
Criando AMORas – como fazer seu filho comer com prazer alimentos variados e saudáveis

Clube Mamãe Prática

Cadastre-se no Clube Mamãe Prática para receber nossos posts e novidades!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.